29 outubro 2019

Exercício físico e a saúde da sua coluna vertebral

Alerta para os principais mitos sobre a relação da prática de exercício físico com a saúde da coluna vertebral.

O Dia Mundial da Coluna celebrou-se no passado dia 16 de outubro e a Câmara Municipal de XX uniu-se à SPPCV para promover uma campanha que visa desmitificar a relação entre o exercício físico e a saú​de da sua coluna vertebral.


 


 

Mito #1 O exercício físico piora a dor na coluna 

Na presença de dor na coluna, a prática de atividade física regular deve ser sempre realizada de forma correta e consciente, seguindo as recomendações do seu médico. Quando estas não são respeitadas, o exercício físico pode provocar um traumatismo na coluna.


 

Mito #2 Após uma lesão, tenho de ficar em repouso absoluto para melhorar
 

O repouso absoluto é apenas recomendado nos primeiros dias, de forma a evitar o esforço excessivo da coluna e a redução da dor. Já a longo prazo, quando a dor persistir, é importante apostar na atividade física, para estimular o movimento articular e o fortalecimento muscular.


 


 

Mito #3 Caminhar piora a dor de costas
 

O exercício físico pode ser essencial para diminuir a dor ou para a recuperação de uma lesão, devendo sempre ser orientado pelo seu médico. A caminhada é uma das atividades mais recomendadas, uma vez que não implica um elevado esforço da nossa coluna. O importante é escolher um percurso com o piso plano e utilizar um correto calçado.


 


 

Mito #4 Quanto mais tempo e mais vezes treinar, melhor
 

Apesar do exercício físico ser fundamental para estimular a nossa coluna vertebral e diminuir a dor, este não deve ser praticado em excesso. Isto porque pode aumentar o risco de lesões. Na presença de dor nas costas, informe-se sempre junto do seu médico antes de iniciar qualquer atividade física. 


 

Mito #5 Depois da cirurgia de coluna, fazer exercício é prejudicial
 

Espera-se que a pessoa repouse nos primeiros dias, evitando fazer muito esforço físico. Com o avançar da recuperação, e segundo as recomendações do seu médico, é essencial que comece a realizar mais atividades de forma gradual, como pequenas caminhadas. Em contrapartida, deve evitar estar sentado ou deitado na mesma posição durante muito tempo.


 

Pelo bem da sua saúde, mantenha-se ativo!

​SPPCV - Sociedade Portuguesa de Patologia da Coluna Vertebral
www.sppcv.org