04 maio 2018

Febre Catarral Ovina - Língua azul

A língua azul ou febre catarral ovina é uma doença epizoótica de etiologia viral que afeta os ruminantes, incluída na lista de doenças de declaração obrigatória nacional e europeia e na lista da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE).

​​A língua azul ou febre catarral ovina é uma doença epizoótica de etiologia viral que afeta os ruminantes, com transmissão vetorial, incluída na lista de doenças de declaração obrigatória nacional e europeia e na lista da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE).

As medidas de controlo implementadas na sequência dos serotipos do vírus da língua azul que surgiram em Portugal Continental, têm sido adaptadas em função da avaliação dos resultados dos programas de vigilância e baseiam-se na delimitação de zonas de restrição, de condicionantes à movimentação animal das espécies sensíveis e da implementação de programas de vacinação.

Encontra-se definida uma zona de restrição para o serotipo 1 do vírus da língua azul que abrange a totalidade do território de Portugal Continental.

A vacinação obrigatória do efetivo ovino reprodutor adulto e dos jovens destinados à reprodução tem sido a medida adotada para controlar a doença nas zonas onde se verificaram indícios de circulação viral no último ano, aconselhando-se ainda a vacinação dos restantes animais das espécies sensíveis.

Para mais informações consulte os editais abaixo.

Febre catarral ovina - Língua Azul (edital n.º 47 da DGAV de 04/05/2018)​

Febre catarral ovina - língua azul (edital da DGAV n.º 46 de 28/12/2017)